<$BlogRSDUrl$>

segunda-feira, setembro 13

sim, os homens e as mulheres vêem o mundo de uma forma diferente! 

retirado de um artigo premiado num concurso de escrita em ciência, por caiomhe mckenna, em
http://www.science-writer.co.uk/award_winners/16-19_years/2004/winner.html

o artigo tenta perceber se pessoas de sexos diferentes vêem o mundo da mesma forma_ será que os possuidores do par de cromossomas XX (mulheres) vêem as mesmas cores que os que têm antes o XY (os homens)_ aparentemente não, pelo menos a julgar pela combinação de cores das roupas que vestem (e com a preocupação com esse facto)...

para vermos as cores temos três tipos de receptores nos cones, em que cada um deles responde a luz numa região de comprimento de onda (cor) diferente_ o estímulo relativo de cada um dos tipos de cones traduz-se numa percepção de cor pelo cérebro_ a mistura das intensidades relativas de cada estímulo permite construir todas as cores_ a iodopsina é o pigmento que permite diferenciar os diferentes comprimentos de onda e,
como todas as proteínas, está codificada nos genes_ o que é interessante é que os genes que controlam a produção dos pigmentos responsáveis pela discriminação entre o vermelho e o verde está ligada aos genes sexuais!

os genes "vermelho" e "verde" codificam foto pigmentos que respondem a regiões diferentes, que se sobrepõem, do espectro de comprimentos de onda médio a longo, e são contíguos no cromossoma X_ estranhamente o gene do foto pigmento azul está sozinho noutro cromossoma_ isto explica porque a forma mais comum de daltonismo (verde-vermelho) é hereditária e porque afecta cerca de 8 por cento dos homens e menos de 0,5 por cento das mulheres_

uma mulher tem dois cromossomas X, um da mãe e outro da avó paterna_ um homem tem de viver com os dois genes dos foto pigmentos no seu cromossoma X (herdado da mãe), mas a mulher tem 4 destes genes nos seus dois cromossomas X_ um destes cromossomas pode ter um gene do foto pigmento verde ligeiramente diferente do outro, e pode ocorrer a chamada "inactivação X"_ este fenómeno biológico bem conhecido faz com que algumas células usem um dos cromossomas X enquanto outras usem o outro_ podem então existir quatro tipos diferentes de foto pigmento: azul, vermelho, verde e verde deslocado (ou vermelho e vermelho deslocado)_ tudo o que é necessário para ter uma visão de quatro cores (tetracromática) é um cérebro capaz de tratar a informação!

um trabalho recente de kimberly jameson, susan highnote e linda wasserman (apenas mulheres :-), da universidade da califórnia, san diego, que estuda mulheres que podem possuir tetracromaticidade, apresenta resultados espantosos: quase 50 por cento das mulheres são tetracromáticas e podem usar os seus pigmentos extras em "circunstâncias de observação contextualmente ricas"! por exemplo, quando vêem um arco-íris, as mulheres tetracromáticas podem segmentá-lo em 10 cores diferentes, em média, enquanto as mulheres e homens tricromáticos apenas vêem as tradicionais 7_ aparentemente as mulheres e os homens vêem o mundo de uma forma diferente...



Comments: Enviar um comentário
This page is powered by Blogger. Isn't yours? Weblog Commenting by HaloScan.com